Início > Motivação Espiritual > História de superação: Ludwig van Beethoven

História de superação: Ludwig van Beethoven

Ludwig van Beethoven nasceu em Bonn, Alemanha, em 17 de dezembro de 1770. Conviveu com a música clássica desde a infância, pois seu pai era professor de música e tenor na corte de Bonn.

Estudou até os 11 anos e aos 13 já ajudava no sustento da casa, trabalhando como organista, cravista, músico de orquestra e professor. Era um adolescente introspectivo, tímido e melancólico.

Na primavera de 1787 viajou para Viena, levado pelo amigo conde de Waldstein, com a esperança de se tornar aluno de Mozart. Em duas semanas, voltou para Bonn, supostamente porque Mozart não lhe deu a atenção esperada.

Começou então a fazer cursos de literatura como forma de compensar a falta de estudo. Teve contato com as ideias da Revolução Francesa e a literatura pré-romântica alemã de Goethe e Schiller. Esses ideais se tornariam fundamentais na arte de Beethoven.

Em 1792, Beethoven partiu definitivamente para Viena, novamente por intermédio do conde Waldstein. Dessa vez, Ludwig havia sido aceito como aluno de Haydn – a quem chamaria de “papai Haydn”.

Surgiram então os primeiros sintomas da surdez. Em 1796, na volta de uma turnê, começou a queixar-se e teve como diagnóstico uma congestão dos centros auditivos. Tratou-se com médicos, mas escondeu o problema de todos. “Durante dois anos procurei evitar a companhia de todos, simplesmente porque não posso dizer que estou surdo. Se eu tivesse outra profissão, tudo seria mais fácil, mas com o meu trabalho esta situação é terrível”, revelou em biografia. Só em 1806, Beethoven revelou o problema, em uma frase anotada nos esboços do Quarteto número 9: “Não guardes mais o segredo de tua surdez, nem mesmo em tua arte!”.

Após superar o sofrimento, em 1819, deu início a um período de criação de obras-primas: as últimas sonatas para piano, as “Variações Diabelli”, a “Missa Solene”, a “Nona Sinfonia” e, principalmente, os últimos quartetos de cordas.

About these ads
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 42 outros seguidores

%d bloggers like this: